terça-feira, agosto 10, 2010

Não precisava ser já

O meu cão


O meu Malaquias

O meu cocker

O meu Rei

O meu cão de sociedade

O meu cão que podia ir a jantares de gala

O meu cão que ias às festas de lenço ao pescoço

O meu Malaquias

Deixou-me, foi embora, cansou-se, ao fim de 17 anos e 2 meses foi embora

Não quis ficar mais tempo connosco…

Não era ainda a altura, eu contava com ele pelo menos mais 3 anos.

Eu quero o meu cãooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo

Eu já sabia cozinhar para ele, eu já tinha aprendido a tratar da cama de cães velhinhos, eu já sabia acordar-lhe as pernas, eu já conseguia ouvi-lo quando ele queria levantar-se, eu já sabia quando ele queria dormir, ... agora que eu já sabia tudo isso para que foi ele embora?
 
Eu quero o meu cãooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo

13 comentários:

liliana_lourenco disse...

:(.. é sempre tão triste e custa sempre tanto. Nunca é altura de nos despedirmos. Quando gostamos muito é sempre cedo de mais.

Aqui fica um grande beijinho para ti. **

Joana Magana disse...

O Malaquias era sem duvida um cao especial. Lembro-me nos tempos de cachopa em que iamos passear ao fim de semana e ele adorava ir mala do carro sem se dar conta dele. A velocidade com que devorava queijos sempre que lhes deitava o dente. A indiferenca que tinha aos passaros. E a paciencia para as criancas.

Foi um cao feliz. As maleitas da velhice ja lhe pesavam no lombo. Estou certa que ja deve ter encontrado o Geremias e que agora se deleitam ambos com um osso gigante no ceu dos canideos.

Catarina disse...

Um beijo grande...

Nuno Magano disse...

Grande Malaquias.

Ja estou com saudades de o ver tatear a grelha até entrar no seu palacio.

Foi-se de ao pé de nos, mas ficara na memoria. Ao final contas as coisas boas nao acabam!

Za

Anónimo disse...

Beijinho grande para ti

Nasha

Ana Vargas disse...

Tadinho do Malaquias...e da dona que ficou sem ele...
Bjokas.
Ana.

Na Lua da Alice disse...

Ohhh Dina. Não fiques triste. Pensa que tu já sabias fazer essas coisas todas. Agora foi ele aprender coisas para quando tu chegares, daqui a 50 anos, ele já saber e te ensinar.
Um beijinho muito grande
Yo

Anónimo disse...

O Malaquias foi especial e teve a sorte de ter uns donos como vcs, enquanto cá esteve foi sempre feliz e bem tratado, isso é que conta...!

Agora existe mais uma estrelinha no céu, mais um anjinho da guarda.

Beijinhos e não fiques (mto!!) triste pois ele não gosta de te ver assim!

Tininha**

RosArtes disse...

Um beijo grande

CARPE DIEM disse...

Oh meu Deus.... mas já era velhote, e terá concerteza vivido uma vida muuuuito feliz!!!!

Anónimo disse...

Mudasti!

Tá giro sim senhora :D

Nasha

Anónimo disse...

Abracinho muito apertado.

Beijinho grande.
Paula

Cristina disse...

beijinho grande