quinta-feira, janeiro 21, 2016

cachorro ?

mais um Dinaroco de meia.
Esteve para ser um cavalo, um cão e acabou em cão com orelhas de rato

Mas um cachorro com um coração grande e de lacinho para ir passear



sexta-feira, janeiro 15, 2016

retrato afilhada

afilhada
A4
caneta de feltro
a partir de foto
Este sim foi feito de propósito para ser pintado a caneta de feltro


quinta-feira, janeiro 14, 2016

retrato

afilhada e filhão
A4
lápis aguarela
a partir de foto
O objectivo seria pintar a caneta de feltro, mas era demasiado arriscado, assim fiz outro desenho para caneta de feltro e este que nem está muito mal foi pintado a lápis aguarela


quarta-feira, janeiro 13, 2016

afilhada vrs filho

há quem tome o pequeno-almoço a desenhar eu espero pela hora de entrada

a partir da foto do baptizado, em A4, ainda só a caneta, afilhada e filho.

Estou com medo de pintar


até porque quero inventar e não vou pintar a aguarela, mas sim com cores de caneta de feltro

vamos ver

terça-feira, janeiro 12, 2016

afilhados

a lápis aguarela a partir de foto, não ficou como a foto porque alterei algumas coisas, mas não ando longe


segunda-feira, janeiro 11, 2016

era um gato ficou meio gata - meio ursa

feito em duas partes, podia ser uma gata, mas depois lembrei-me que gostava mais de caudas em pompom e ficou meia ursa


inspirado nesta coisinha linda https://www.etsy.com/transaction/118802317, mas a condição de ser só meia

quinta-feira, janeiro 07, 2016

ponto de situação de softies

um ponto de situação dos Dinarocos de meia que ainda andam cá por casa


podem reparar que a 2ª da esquerda para a direita é feita com as mesmas meias.

Mas estou cheia de meias cá em casa para continuar a inventar

quarta-feira, janeiro 06, 2016

gata de meia

bom, na minha opinião não tem cara de gata, mais de rata, mas cá em casa acharam que era uma gata e ficou gata


terça-feira, janeiro 05, 2016

Uma coisa LINDA que apareceu lá em casa

Nunca estive com um na mão e os desenhos animados, os filmes de animais e as centenas de livros de animais que li NUNCA conseguiram mostrar a beleza e a fofura de um Ouriço Caixeiro.

Foi salvo de ser apanhado por um cão de caça ou esmagado por um carro pelo meu primo e acabou cá em casa.

Vejam esta maravilha, uma bolinha simpática, mas já a mostrar o focinho ponteagudo



Aqui ja estava na onda de querer dormir


E aqui acordou com fome



Teve direito a desenho claro, mas não consegui de maneira nenhuma registar a beleza dele


Eram 4:25 da manhã quando foi entregue ao campo. Para quem não sabe eles ficam activos durante a noite, por isso esperei por essa fase, no momento em que ele já parecia um cachorro porque me deixou pegar nele nem se enrolar, deixou fazer cócegas na barriga e ai encolheu-se um bocadinho.

Depois deixei-o na rua* escondido e deitado de lado num ninho de palhinhas (gostam de dormir de lado como os cães) e passadas 3 horas já tinha ído embora.

*Quando digo "rua", não foi na estrada nem abandonado ao acaso, ficou num campo com espaço para procurar companhia e lugares para se esconder e comida para procurar.

segunda-feira, janeiro 04, 2016

"dinaroco" de meia

não faço ideia o que chamar a estas criaturas, que são mamíferos eu sei porque têm umbigo, agora o que são ... não faço ideia.

Este quando as meias foram compradas era para ser uma girafa, mas isso era demasiado evidente e depois ... fiquei sem saber o que seria, foi aparecendo e aparecendo.

Primeiro vieram as orelhas, depois a boca, depois o corpo torto, a seguir as patas gordas.

Tinha esquecido os braços, acresentados os braços, e os olhos de botões ficou com um problema, era demasiado gordo para ficar em pé, então nasceu o pompom de coelho para a cauda.

Depois de ter ficado em pé... vieram as flores nas orelhas e o trevo ao pescoço.

Um dinaroco só pode andar nos jardins dos duendes por isso é melhor andar acompanhado de guizos e trevos de 4 folhas.



sexta-feira, janeiro 01, 2016

para não me esquecer

eu sei, já passou a altura de falar do presépio, mas confesso que continuo a olhar para ele todos os dias como se fosse o primeiro e ainda hoje recebeu mais uma peça, por isso decidi fazer o registo de algumas das coisas mais importantes para me lembrar de tudo o que quero acrescentar para o presépio 2016 (algumas ainda neste ano)






E agora que as coloquei todas é que dei conta que ainda falta uma coisa, não deixei registado o acampamento dos arábes, mas está cá.

segunda-feira, dezembro 21, 2015

A festa de Natal na escola e ... (parte II)

e agora vamos ao barco, uma autêntica obra de arte se olharmos para o trabalho que as "crianças" a cortar "tábua a tábua" para forrarem o barco.

Depois tivemos o mastro, as decorações, as redes, os ricos num salão de sofás, móveis e boa comida e depois os "pobres" comendo pão e bolos verdes à chuva.

Aqui o Barco onde no convés tinhamos uma mesa abastada e protegida e em cima à chuva, os pobres escravos a comerem pão e bolos verdes



o cenário pintado, também muito giro com núvens de algodão pintado



E por fim ... taram ... O Diploma

El Diploma da turma vencedora da Mesa de Natal


Já nos começamos a habituar a ganhar, é o segundo ano consecutivo. Quando o Director de Turma é fantástico e cheio de ideias pode sempre contar com os pais para ajudar nem que seja com parafusos e tábuas e no final ... VENCEDORESSSSSSSSSSS.

Aconteceu o ano passado com o professor Élio e este ano com a professora Lucélia.

sexta-feira, dezembro 18, 2015

A festa de Natal na escola e ... (parte I)

Ah pois é, mais um ano com o primeiro prémio da mesa mais bonita.
Este ano o tema era Musicais e o tema escolhido pelo 9ºA foi "Os Miseráveis", tema dificil, mas que foi superado com muita inteligência pela professora na hora da orientação.

A sala tinha a área dos ricos, do vicio e do lado de fora o barco dos pobres e escravos, aliado a isto tinhamos os "mantimentos" de acordo com a riqueza de cada um.

A mesa decorada com castiçais e travessas de prata, cheia de doces e um sino para chamar o empregado


No fundo da sala, a estalagem com as pipas de vinho, bancos de madeira "caseiros" , garrafões de vidro para o vinho, ferro de engomar antigo, uma parede de publicidade a espectáculos bem antigos (esta gostava de a ter trazido para casa)


Ah e manta dos pic-nics passou a manta no chão


e continua ...

terça-feira, dezembro 15, 2015

Visão Geral do Presépio 2015

dado como concluído o Presépio 2015

mais fotos no facebook


e está lindo, todos os anos adoro cada vez mais o Presépio cá de casa, uma das coisas que mais gozo me dá é chegar a casa e ficar a olhar para ele e pensar nas personagens, o que têm para fazer, o que fizeram e o que ainda vão fazer.

segunda-feira, dezembro 14, 2015

mais presépio

a horta ainda inacabada, mas já com uma cesta de vime feita cá em casa


uma banca nova para vender os produtos da horta e especiarias, neste momento já vende nabos.
As cestas também foram feitas em crochet com sisal


a estalagem nova, linda de cair para o lado.
Ainda não tem a lareira terminada, mas já tem a mesa com baralho de cartas, copos, travessas vazias, jarro de vinho e dois companheiros de mesa
Tenho os lençóis da estalagem estendidos e falta-me uma vassoura


o mercado com o templo ardido ao fundo e Heródes à procura das crianças, este ano acompanhado de um cavalo


sexta-feira, dezembro 11, 2015

continuando o presépio

o mercado já com toldos nas bancas


 alguns dos vendedores já têm mais mercadorias


assim como baldes e vasilhas para ajudar a manter a banca limpa


quinta-feira, dezembro 10, 2015

presépio 2015 ainda em preparação

o acampamento, este ano com um bule de chá e uma arca de jóias



um dos poços com as vasilhas de barro


a tenda do ferreiro, este ano tem direito a tenda e a mais materiais de metal, tem uma panela e várias travessas para além de um balde