quinta-feira, junho 22, 2017

Quem se lembra da última vez que visitou a estufa fria?

Se só tem uma vaga ideia, vá lá
Passei a hora de almoço por lá, agora temos a Estufa Fria, a Estufa Quente e a Estufa Doce.

Cada vez mais linda, mas uma hora não chega para lá estar de maneira nenhuma, talvez um dia, vá lá, uma tarde ou uma manhã pelo menos.

Fui lá para ver a exposição de esculturas Origami, mas esqueceram-se que existia rega automática e a exposição teve que ser desmontada depois da inauguração e só volta a ser montada hoje em sítios "seguros" , mas mesmo assim deixaram duas peças gigantes,

Esta está numa gruta pelos "andares de cima"


E esta gigantesca no meio do lado, cliquem na foto para verem melhor


Mas mesmo sem as peças de origami temos toda esta beleza para ver e cheirar


Ah e tenham atenção aos lagos, existem peixes a passear, patinhos e tartarugas.

Vi chegarem cadeiras de esplanadas novas, ainda embrulhadas, era bom se conseguissem fazer um bar com esplanada para a estufa, ficava lindo e então é que se passava mesmo um dia em grande lá dentro.

quarta-feira, junho 14, 2017

sim os animais são parecidos com os donos

está calor?
está sol?

embora apanhar isso tudo
Já não o apanhei a dormir porque fiz barulho, mas se há coisa que adora é de dormir ao sol


E para verem que não é só o cão, a rã também segue a tradição



domingo, maio 14, 2017

Para Não Esquecer

Este fim-de-semana passou depressa demais e com demasiada emoção concentrada para não ser registado, por isso para que mais tarde eu possa recordar, este 13 de Maio de 2017 foi FANTÁSTICO porque:

- Foi o Centenário de Fátima
- O Papa Francisco veio a Fátima
- Ganhámos 2 Santos (Jacinta e Francisco)
- Estive bem pertinho do Papa Francisco
- A minha familia foi Abençoada pelo Papa Francisco
- O Benfica foi Campeão (36 Tetra)
- e o Salvador Sobral ganhou o Festival Eurovisão por Portugal

Confesso que não me quero esquecer de nada disto quando tudo ficar mais calmo.

quarta-feira, maio 03, 2017

trabalhos que não são meus

mas que eu adoro

feitos em arame, pela artista do arame, a Helena

já tenho um Carocha vermelho, uma Bicicleta vermelha, uma Suzuki branca e azul, Árvores e agora ... Grávidas

as árvores da Primavera


a árvore das Chakras


e as grávidas, adoro estas grávidas com feitio de génio da lâmpada
dois feitios, eu gosto mais das da esquerda com as mamas bem redondinhas , eheheh


quarta-feira, abril 19, 2017

mais uma maravilha

um vaso de suculentas


todas identificadas e feito pela Rosa Proença nos "Meus Cactos e Suculentas"

estes arranjos em "vaso" são lindos, excelentes para oferecer :) mas também para ficar com eles.

vêm bem tratados, e preparados para o ambiente que indicámos, é só continuar a tratá-los bem; eu estou a conseguir e não sabia nada de suculentas.


mas temos sempre o suporte para nos responder aos "problemas existenciais" de como tratar a "minha suculenta"

segunda-feira, abril 17, 2017

quinta-feira, março 30, 2017

Apresentação sobre Marionetas

ainda não vos tinha mostrado as fotos de uma apresentação de Marionetas a que fui.

Primeiro aprendi que Marioneta e Fantoche é a mesma coisa.
Depois que existem muitos tipos e até temos em Portugal marionetas típicas, os Robertos e os Bonecos de São Aleixo.
E por fim ... não é marioneta que faz o espectáculo, é o marionetista como não podia deixar de ser.

O Fernando (Casa da Marioneta) conseguiu neste encontro no Arte Estúdio fazer mini espectáculos com marionetas de todos os tipos, até com os dedos, uns óculos de brincar e um gorro.

Claro que tinha as mais sofisticadas e lindas, que para mim até estavam bem sem se mexerem, mas fiquei encantada com a marioneta "nariz e óculos"

Depois da apresentação fizemos uma simples marioneta de varas com materiais tão simples como paus de espetada, bola de ping-pong, cola, lã, corda e retalhos.
Mas mais giro do que a marioneta que fizemos é que sem querer todos começaram a representar com as suas marionetas, crianças e adultos.

É irresistível.

o  resultado:



segunda-feira, março 20, 2017

baloiço

Baloiços e passarinhos, fazia-os, mas nunca ficava com nenhum, desta vez decidi-me.

Um baloiço com 2 passarinhos de lã já pendurado na sala, não podem dizer que a Primavera e os passarinhos não chegaram a minha casa.


Ah e não sei se deram contam, mas fiz o macho e a fémea.

quarta-feira, março 15, 2017

como se transformou numa aldeia

tenho sempre um problema em desmanchar o Presépio, nunca me apetece, mas porquê?
Porque ele se vai transformando numa aldeia e desta vez aproveitei para fazer mais "uma cena" da vida de Jesus.
Mas primeiro a gruta estábulo ficou transformado nisso mesmo, num estábulo com muitos animais e com um pastor a guardá-lo



No resto da aldeia, as pessoas deslocaram-se para o mercado, mas não todas claro, e coloquei Jesus a falar com os que passam e com os doentes (o leproso) a aproximar-se dele.


Mas isto é emsmo giro
Ah e claro Reis Magos já foram à vida deles.

sábado, março 11, 2017

Este ano é que foi

Já temos Jardim de Páscoa cá em casa. Eventualmente terá outro nome, mas não sei qual é.


Tem a gruta, com o portão caído (esta foi invenção minha), a pedra e a cruz.
Na sexta-feira Santa a pedra tapará a entrada da gruta e no Domingo de Páscoa voltará a ficar aberta.

terça-feira, março 07, 2017

uma experiência mal sucedida

Não gosto nada quando isto acontece, mas desta vez talvez me faça fácil porque quero tentar fazer mais, só que vou mudar muita coisa.

Ora bem a experiência foi esta, uma coelha de pompons.


Então vamos começar com o "a NÃO fazer":

- pompons de cores matizadas, é preferivel uma cor só e clara
- pompons quase do mesmo tamanho, o corpo devia ser quase o dobro
- cortar orelhas sem ver o desenho de umas orelhas de coelho
- orelhas escuras e descentradas
- colar as orelhas, é preferivel coser, pelo menos para mim
- bigodes finos e soltos, usei arame muito fino, como também usei uma missanga para o nariz, os bigodes dançam, não tem piada
- colar o pompom da cabeça ao pompom do corpo, não me dou bem com colas, prefiro coser um pompom ao outro, fica mais seguro
- colar os braços e as pernas, mais uma vez coser usando linhas da cor do corpo
- roupa de papel, nada disso, roupa é de tecido e fazer saias rodadas é o mais fácil
- não colar a saia, mas sim coser a saia sem apertar o corpo para que se mantenha gordinha
- fita solta por cima da saia, é preferivel coser logo o lacinho na saia e dar o nó atrás, assim não precisa apertar o corpo.

e agora "a Fazer":

- decorar com flores, pintainhos, ganhos, lacinhos na cabeça
- o nariz com missanga gordinha cor de rosa cosida no pompom por onde podem entrar os bigodes desde que fiquem colados e bem presos no nariz
- olhos, em vez de missangas pretas
- ver a cara de um coelho para saber exactamente onde colocar o nariz e os olhos

e pronto, acho que é tudo. como podem ver há mais coisas a não fazer do que a fazer.

Ah, duração com estes defeitos todos: Jogo do Real Madrid para a Liga dos Campeões até aos 59:19 minutos já com intervalo de 15mim, por isso mais do que uma hora.

divirtam-se a experimentar

sexta-feira, março 03, 2017

um bastidor

que virou quadro de "motivações"

é bem pequeno, talvez 12cm de diâmetro, o que faz com que fazer as bandeirolas seja logo dificil porque são pequeninas


quinta-feira, março 02, 2017

agora que já não se fala no assunto

aqui estamos nós em versão Carnaval, neste momento sem saber o que nos esperava


e aqui já acompanhados no Carnaval de Torres Vedras





quarta-feira, março 01, 2017

Memórias 10

Mantas e mais mantas.

Adoro fazer mantas de "bocadinhos" de tecido, dão MUITO trabalho, mas dão um gozo tão grande.

o único senão, quando alguém faz uma manta de "bocadinhos" é favor não interromper.

Do género nas primeiras repetiram-se várias vezes, só não fiz uma para mim
A última foi feita com t-shirts, t-shirts muito especiais, de locais que não esqueço, de viagens que fiz, de ocasiões especiais em que desenhei a t-shirt, ...

O verso desta manta foi feito com as costas das t-shirts na mesma forma.
Esta foi a única que enchi com dracalon grosso, ou seja é de uma "quentura" que nem vos conto.


E pronto terminei por aqui a recuperação de memórias.
Gostei imenso de rever tudo o que já fiz, nem me lembrava que tinha feito coisas tão giras.

Sim, é verdade, estou inchada, só tenho pena de ter abrandadooooooooooooo tanto.
Os projectos continuam na cabeça, mas arrancar tem sido difícil, há sempre outra coisa à frente e o que faço precisa ter resultados rápidos e que não roubem tempo aos amigos, família e animais porque quer queiramos quer não ficar nos meus momentos zen na Casa das Bonecas pode facilmente levar-me a estar 2, 3 dias ausente sem dar conta. 

terça-feira, fevereiro 28, 2017

Memórias 9

Álbuns, cadernos artesanais

Álbuns para registo de presenças em casamentos, encontros de amigos, baptizados, todos feitos de acordo com a pessoa que os vai receber


Todos levam decoração nas páginas, uns estão preparados para incluir também fotos, uns são cosidos e outros preparados para acrescentar folhas como é o caso dos álbuns para os encontros de amigos.

segunda-feira, fevereiro 27, 2017

Memórias 8

Neste caso apresento alguns trabalhos de papel, experiências e outros que faço consecutivamente como é o caso do origami


Os cartões com origami podem ser lembranças de nascimento, convites, lembranças para as colegas, ... e só porque sim.

Depois os cartões de aniversário ou também só porque sim, o primeiro cartão foi feito com uma técnica gira, sacos de plástico queimados; o segundo é a minha Marianita e foi um postal de aniversário


sexta-feira, fevereiro 24, 2017

Memórias 7

Continuando nos extra

Diversas experiências que não foram repetidas muitas vezes, normalmente devido ao trabalho que dão e também porque acho que só eu gosto mesmo do resultado das experiências.


Um quadro com um baloiço em tronco de árvore, fiz vários baloiços e pássaros para oferecer, ainda estou à espera de fazer um para mim.

No meio uma boneca de pasta de papel que adoro, que para além de tinta tem papel de seda japonês (dado o preço foi experiência única) como saia, o que mais gosto nela é a mistura de padrões e o nariz grande.

E por fim os meus bonecas de meia que adoro fazer, raramente são alguma coisa, têm sempre como função serem divertidos e fazerem-me sorrir quando olho para eles. Destes fiz imensos.

quinta-feira, fevereiro 23, 2017

Memórias 6

Acabou o desafio da Maria João, mas as memórias ainda continuam, estou a gostar de recordar o que já fiz.

Agora outro tipo de bonecas, não são feitas a pensar em ninguém em particular, mas todas elas têm alguma coisa especial, uma experiência nova que ainda não tinha sido utilizada antes por mim e que fazem com que eu fique com imensas saudades quando saem lá de casa.


A primeira, tem o formato ideal para boneca, na minha opinião, para além disso tem orelhas, sim orelhas, que gosto que sejam grandes (tal como os narizes quando existem).
Tem azuis que me agradam,
Tem o tamanho certo para a agarrar, tem a cara bordada  e ... o vestido (a roupa interior não conseguem ver, mas também tem, que as minhas bonecas não saem para a rua sem ela), mas continuando sobre o vestido, foi feito com um molde verdadeiro de um vestido de menina e com tecido excelente.

A segunda ... a minha Marianita em 3D , com os sapatos azuis turquesa da mãe, o cabelo castanho a tapar um olho e com um desenho que a representa.

E por fim ... a minha menina de camisa de noite, uma camisa de noite só de rendas, com as pernas e os braços bordados por mim (comprei um livro de bordados e adorei) e um penteado feito cabelo a cabelo.

Adoro todas elas

quarta-feira, fevereiro 22, 2017

Memórias 5

Bonecas de pano todas com um marco associado


a primeira foi uma boneca DESAFIO, toda cosida à mão, sim não tinha sequer máquina de costura, com 50 cm de altura, com caixa própria decorada e Bilhete de Identidade, Objectivo: enviar para o Brasil para uma casa de crianças abandonadas em época de Natal, éramos 20 a participar de várias zonas do mundo.
Grande desafio, atirei-me de cabeça e percebi que nem pensar fazer bonecas grandes sem máquina de costura, demorei mais de 2 semanas nesta boneca a trabalhar todos os finais de dia.
Seguindo este modelo ainda fiz mais uma para a minha afilhada Primeira.

A do meio, uma patinadora para a filha de uma amiga que faz patinagem artística e é linda, a boneca tem uns patins e tudo e carrapito como era costuma utilizar.

E por fim o resultado de um desenho do meu filho, tanto no desenho do corpo como nos tecidos, laços e cores de cabelo.

Todas estas bonecas são de um tamanho que não costumo fazer, aproximadamente 50cm. 

terça-feira, fevereiro 21, 2017

Memórias 4

Estas são as minhas bonecas biscuit, biscuit caseiro feito pela Rosa Clara,
Não sou excelente a fazer estas bonecas mas gosto muito do tom transparente destas bonecas e gosto que sejam articuladas.

Já fiz algumas que gostei, mas ainda não cheguei ao "Nirvana das minhas bonecas de porcelana fria, articuladas"

Também gosto de misturar a porcelana com pasta de papel e até tecido.



É muito aquilo que quiser experimentar no momento e quando a porcelana não racha ao secar (um drama que tenho).

E claro também estas têm direito a história.