sexta-feira, dezembro 02, 2016

e chega a noite escura

A primeira vista do presépio quando se chega a casa escondendo ainda o segredo do que vem a seguir.

O que chama a atenção é o ferreiro que já tem luz na sua tenda, uma fogueira e vários utensílios.





Quando começamos a dar a volta começamos a ver as sombras na parede e de repente a aldeia cresce e aparece a luz da gruta e a fogueira em frente e vislumbra-se parte do mercado.

Afinal o mercado à noite tem actividade reduzida, não precisa de muita luz.







quinta-feira, dezembro 01, 2016

chegou a noite, já há luzes

as lanternas, as fogueiras começaram a ser acesas, está a chegar a noite escura.

As luzes a serem testadas, os pontos de luz seleccionados.


A zona à volta da gruta será a mais iluminada


quarta-feira, novembro 30, 2016

e agora o que realmente interessa

a gruta dos animais com a manjedoura onde a N.Sra. de abrigou e nasceu o Menino Jesus.

Cheia de alfaias, fardos de palha e cântaros de barro

terça-feira, novembro 29, 2016

Estava previsto desde o ano passado

mas estava difícil de encontrar.
Ontem quando cheguei a casa estava à minha espera, mais uma personagem, esta para ser transformada em leproso.

Para além das chagas e da roupa suja e estragada, tem uma lanterna para conseguir andar na noite e tem uma vara com chocalhos para que os outros saibam que está a chegar e se desviem.


a vista geral

ainda não está totalmente concluído, mas já dá para ter uma ideia


segunda-feira, novembro 28, 2016

este ano até vinho temos

afinal na estalagem vende-se muito vinho, alguém tem que o fazer

tal como estalagem a casinha também é obra caseira.

E as pipas, conseguem ver? A grande até tem uma torneirinha e tudo

Também tem luz e só se vão ver as silhuetas.


sexta-feira, novembro 25, 2016

a estalagem

muito melhorada.

já com cortinhas ao vento nas janelas, vai ter luz no interior, no quarto e no ... bar? não sei como se chamava na altura.

tem um banquinho à porta para o estalajadeiro esperar pelos clientes e ver as vistas

já tem o porco no espeto com uma fogueira bem grande.


quinta-feira, novembro 24, 2016

a venda dos tecidos

muitos rolos de tecido para vender. Como as especiarias passaram a ser vendidas no mercado e estão expostas no chão, a banca teve utilidade para os tecidos.

o suporte dos tecidos foi feito com palhinhas e tem mesmo tecido enrolado e não como a sugestão que me deram que era enrolar papel e só no fim o tecido.
Isso era enganar as compradoras.


e ao lado o vendedor de barros, ou seja a "não comida" saiu do mercado principal e passou para junto da estalagem

quarta-feira, novembro 23, 2016

a leitaria

faltam-me as vaquinhas, mas não encontrei do tamanho certo, um dia ...


Manifesto contra a visita do Papa Francisco???????

Estou pasma com este manifesto contra a visita do Papa.

Tenho uma dúvida, o Papa está a obrigar alguém a lá ir? 

Eu irei e não sou obrigada. 

Por exemplo, o vinho mata e vicia, já alguém o proibiu, impediu de aparecer à mesa e em bares? 
As criaturas que andam por este "manifesto" fizeram alguma vez alguma coisa pelo "vizinho do lado" sem barulho? 
Estão mesmo preocupadas em que todos possam ser livres pelas suas decisões, sentimentos e pensamentos ? 

NÃO , só se pensarem e sentirem como eles. 

Eu estarei presente quando o Papa nos visitar e espero que ninguém me impeça porque felizmente estou num país livre que me deixa liberdade para pensar e fazer o que quero, sempre sem interferir na vida de ninguém.

 Espero que esses "senhores" façam o mesmo e "não se metam na minha vida".

terça-feira, novembro 22, 2016

o acampamento

também com novidades

a arca cheia de jóias tem espelhos para reflectir as jóias, tem uma cesta de flores, o bule do chá, ahh e vai ter uma luz fantástica para iluminar o acampamento


possivelmente não terá fogueira, penso que é dificil fazer uma fogueira no meio da areia para quem anda em viagem.

Ah e cá está a criatura que anda à procura dos meninos com menos de 8 anos para os matar.

Estava a esquecer-me, a pintura do cenário também mudou, passou a ter várias cores de chão/terra.


segunda-feira, novembro 21, 2016

os meus porquinhos

adoro os meus porquinhos.
E este ano tenho um porquinho a comer dentro do balde, um malandro fofo e uma cerca mais bonita, afinal os porquinhos não saltam por isso não é necessário uma cerca complicada.



gosto tanto dos meus porquinhos

quinta-feira, novembro 17, 2016

e o trabalhinho que deu?

era preciso fazer um turbante para um caminhante

abençoado YouTube que ensina a fazer vários modelos de turbantes, esqueceram-se foi que eu precisava de um turbante mesmo pequenino.

Mas depois de várias tentativas, vários bocados de tecido para o lixo porque não eram do material adequado para as dobras ou não tinham o tamanho certo, consegui fazer o turbante certo.
Este modelo tem um nome, mas isso é que já me esqueci.


quarta-feira, novembro 16, 2016

a laranjeira

espero chegar ao "pomar", mas só nos próximos anos


junto à laranjeira temos o poço com água a correr e um cesto de legumes apanhados na horta

terça-feira, novembro 15, 2016

a horta

este ano bem organizada para que se possa passear entre as culturas sem as esmagar e com carreirinhos para a água escorrer.

Só tem cerca do lado dos caminhantes para garantir que eles não pisam a horta


segunda-feira, novembro 14, 2016

É Natal, é Natal e eu tenho um presépio

Lindo de morrerrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr
Ainda não terminado, mas muito bem iniciado

As aves e a lavadeira



depois explico tudo o que aqui está

segunda-feira, novembro 07, 2016

Até à apresentação há muito trabalho

o trabalho de bastidores para ficar com um presépio de "sonho" demora e demora e demora ...
e cada vez que se coloca uma peça surgem mais 5 ideias.
cada vez que se olha para ele surgem mais 10 ideias...

Muito dificil chegar ao fim do presépio




quinta-feira, outubro 13, 2016

Adoro quando se abanam "manias"!


Não sou conhecedora de Bob Dylan, eu sei, uma enorme falha cultural.
Talvez, mas gosto e sei de outras coisas a que ninguém liga, por isso não é por ai que me vão conseguir "abanar", no entanto este prémio, e especialmente pela polémica que já está a criar, vai fazer com que eu "aprenda" Bob Dylan e logo na primeira lição ...

Gostei e gostei muito, especialmente pela verdade e actualidade do pensamento, este texto é de 1963, acreditam?

É verdade, mas parece que foi escrito há uma semana ou talvez no inicio da "crise dos refugiados" ou de uma qualquer guerra a decorrer "lá num país longe"...


"and how many times can a man turn his head
And pretend that he just doesn’t see?"     

Bob Dylan em “Blowin’ In The Wind” (1963)


E eu com tão pouco tempo e mais uma coisa para aprender?

sexta-feira, setembro 30, 2016

Benção da 1ª Pedra e festa logo a seguir

as festas do Milharado.

Depois da missa, da procissão, da benção da 1ª pedra do novo centro de dia, do discurso, da inauguração na nova sede dos escuteiros ... vamos à festa, à feirinha de artesanato, ao banquete, ao concerto pela banda de Vila Franca do Rosário (com uma menina que canta bem bem) e ao fogo de artificio.

Como o Presidente Faustino diz, "terra abençoada, só nos sentimos bem se estivermos todos juntos".
E é bem verdade, todos os anos vejo mais gente a chegar.