quinta-feira, novembro 22, 2007

Voltando ao Presépio

Estou a gostar do tema, desculpem lá.

Ainda não vos contei, mas o meu presépio principal; aquele da cabana, dos pastores e dos Reis Magos, das ovelhas e dos gatos, … só “ganha” o Menino Jesus à Meia-Noite do Dia 24 de Dezembro, até lá está bem escondido.

Mas continuando, cada membro da família tem a responsabilidade de tomar conta de um animal do presépio (isto é mentira, é aqui a Je que toma conta de todos) e dos Reis Magos.
E isto porquê? Porque durante o mês de Dezembro cada um dos bichinhos “com dono” (o meu é uma cabra) avança um bocadinho em direcção ao presépio e só lá chegam na noite de 24, mais ou menos quando o menino está para nascer.

Com os Reis Magos acontece o mesmo, mas eles chegam mais atrasados (até porque os meus têm um tamanho diferente das restantes peças e não ficam bem), só chegam no dia de Reis.

E agora passando ao stress magnífico da noite de Natal, quando toca a meia-noite (felizmente tenho uma igreja com sino perto), ouve-se um sino bem perto de casa!!!!!!!!!!! E gritos … muitos gritos (nossos, que já não aguentamos mais a espera), significa que o Pai Natal acabou de sair pela janela…

É preciso ir a correr colocar o Menino Jesus no presépio, atirar, no verdadeiro sentido da palavra, a cabra para dentro da cabana e mais o cão e a ovelha (não há tempo para os deixar direitos, eles vêm cansados querem é ficar deitados) e a seguir …

Desatar a correr (sem cair é a única regra, nem empurrar os outros) para perto da árvore onde o Pai Natal deixou uma montanha de prendas para todas as pessoas da casa … e claro, fechar a janela que o Pai Natal deixou aberta quando se foi embora.
Ah, importante não esquecer, a janela é aberta por volta das 23:30h, não vá ele chegar antes. Também ficam bolos na mesa e até garrafas de vinho, não vão as renas terem fome ou sede.

E raios, já estou nervosa só de pensar na noite de Natal, já nem consigo ficar sentada.

Isto é uma chatice, mas logo que acabam as férias de Verão e os meus almoços de Verão de amigos, só consigo pensar em Natal
e no que tenho que fazer
e nas prendas que quero dar
e nos postais que tenho que fazer e que quero enviar,
no papel das prendas,
nas decorações,
na árvore,
ver se o sino toca como deve ser e está escondido,
se as toalhas para o jantar estão brancas,
se as louças e os talheres especiais estão brilhantes,
se as luzes para a rua estão a funcionar,
no projecto para os arranjos da casa incluindo o da mesa,
se tenho taças e jarras livres para os arranjos,
quais os marcadores de mesa…

Estou cansada por antecipação, só de pensar no que vai acontecer, mas adoro o Natal.
Só é chato mesmo no dia de Natal quando a adrenalina se foi toda… com um bocado de sorte ainda arranjo gente para lá ir almoçar e comer a montanha de comer que ficou da noite de Natal.

Este ano vai ser especial, vou fazer o Natal a outro lado, por isso não tenho que preparar toalhas, louças e talheres, mas tenho que fazer um mapa a dizer onde vamos passar a noite para enviar ao Pai Natal juntamente com a lista de desejos.

E já me esquecia, o Pai Natal também envia lá para casa uma carta a dizer se nos portámos bem ou não durante o ano e se podemos ou não fazer os pedidos; se ele disser que não, estamos desgraçados.

4 comentários:

Bluejustin disse...

Eheheh, adorei este post e sabes o que te digo...o Pai Natal que crie um mail, é mais fácil.

;)

alguém disse...

posso ir passar o natal a tua casa? Prometo tomar conta do meu animal :D

liliana_lourenco disse...

«(...)É preciso ir a correr colocar o Menino Jesus no presépio, atirar, no verdadeiro sentido da palavra, a cabra para dentro da cabana e mais o cão e a ovelha (não há tempo para os deixar direitos, eles vêm cansados querem é ficar deitados)(...)»

Fartei-me de rir pá!! Fartei-me de rir... :) Que riso meu Deus...
**

Cristina Pedro disse...

E pronto já posso ir dormir (são 10 Horas da manhã) estou esgotada.

Jokinhas