quinta-feira, junho 22, 2006

Cometi um pecado

Gastei dinheiro sem necessidade, mas não resisti.

Quem em conhece bem sabe que eu sou LOUCA por canetas de aparo.
Nem precisam de ser caras, só precisam de escrever bem, terem um aparo de encher o olho e serem bonitas. E aqui é que o conceito é Muitoooooooooooooo variado.

Tanto gosto de uma caneta bem clássica, ou saída de uma banda desenhada ou até caneta de colecção (estas normalmente dão-me a volta à cabeça, mas ficam-se por aí, estão a Kms da minha carteira).

Pois bem, já há uns dias que os doces, chocolates e afins não me estavam a conseguir ajudar a passar o dia sem vontade de dar um estalo em alguém, e então pensei … uma caneta é que me estava a fazer falta, assim enquanto escrevo olho para ela e isto passa mais depressa…

Azar, olhei para uma montra e não é que ela estava lá à minha espera?
Era única na montra, ‘tadinha, mesmo sozinha a pedir para ser adoptada. Linda de morrer, muito sóbria (eu perdoei-lhe logo), clássica e … barata.

Faltava a parte importante, será que o aparo é lindo? Será que não arranha? Será que escreve bem?
Imensas dúvidas, misturadas com o peso na consciência que crescia a olhos vistos, porque percebi que me aproximava cada vez mais do pecado.

Ainda olhei para a marca… enfim, todos têm direito a ter um defeito ou outro, é daquelas marcas que não considero que tenha direito a ter canetas de aparo, mas …

Entrei …
Pedi a caneta …
Olhei para o aparo … ando à procura de um assim há anos, pensei!
Toquei no aparo … não arranhava …
Comecei a transpirar … raios, vou gastar dinheiro!

Ainda perguntei o preço, porque pensei … está enganado, vão dizer que é muito mais cara e aí eu vou embora e não gasto dinheiro! ….

“Morri”, era mesmo o preço que eu tinha visto…

- Levo!

Paguei o mais depressa que consegui, sai da loja quase a correr e vim sentar-me na minha secretária … tinha cometido um pecado! Não conseguia olhar para ninguém, só para a minha caneta preta e prateada, nova.

12 comentários:

a lice disse...

É bem bonita, seim senhora!:)

Formiguinha disse...

É um pecado sem grande mal! Jinhos***

Cláu disse...

Oh miga, será que vais presa pelo crime???
É bonita pois.
Jinhus,
Cláu

carla m. disse...

Esse foi o teu pecado? Opah agora tenho a prova que sou uma pecadora nata!!!
Bjokas e olha q tb gosto da caneta.

BAd disse...

Também adoro canetas, aliás adoro artigos de papelaria, passo horas a ver tudinho.
Boa compra :)
Beijinhos

anamoris disse...

É Linda!
Que Pecado maravilhoso.
Fizeste tu muita bem!
Beijos

Loira disse...

Pecado pecado é comer 6 donuts seguidos... que foi o que fiz ontem :S

Adorei a caneta, adorei o bonekinho de pano que fizeste pelo nascimento do pequenino e adorei o fio ;)

Beijinhos,

Tita - Uma mulher, Um blog, algumas palavras disse...

Deixa lá....vezes não são vezes e a caneta é lindaaaaaaaaaa!

Alma Minha disse...

Linda...
Tive que rir com a forma como relatas o teu "pecado"...
Pecados quem os não tem...
Eu costumo-lhe chamar:
"fraquezas / tendência para ceder às paixões"
Bjs

BAd disse...

dina!!!
Hoje é 4.ª feira!!!!
Não há livro à quarta??
Está atrasado?
Nem sequer um dos teus já famosos scrapbooks??
Beijinhos

sofyatzi disse...

É bonita, sim senhora. Agora, há que aproveitá-la para escrever coisas lindas, né?

Beijocas ;)

Patixa disse...

Olha, já somos duas pecadoras! Esta semana também cometi um excesso, mas com um top que adorei para levar a um casamento! Até me senti meio zonza quando saí da loja... O que vale é que o maridinho estava comigo e apoiou a 100%, senão chegava a casa e levava um responso!
A caneta é muito bonita. Será que essa também é daquelas que têm a mania de fazer bonequitos lindos?? (",)