quarta-feira, maio 17, 2006

Reabertura do Campo Pequeno

Não vos sei explicar o que senti, estava inchada de felicidade por finalmente ir acontecer.
Mas quando vi o primeiro touro a entrar na arena, lindo, enorme, com um corpo de gritar, ágil, … não queria acreditar, explodi, vieram-me as lágrimas aos olhos.
Afinal ainda existem touros assim em Portugal e que não “fugiram” para Espanha.

Antes de mais, não estou minimamente interessada naqueles que não gostam de touradas, lamento. Neste momento nem quero entrar nessa discussão, o espectáculo foi demasiado grandioso para entrar em “pormenores técnicos”.

Voltando ao espectáculo. O cavalo … dançava, brincava, resumindo divertia-se na arena, e é assim que eu gosto de os ver. Quanto à pega? O touro foi lindo, os forcados também, todos encaixaram na perfeição, parecia que o touro tinha ensaiado durante horas.

De tudo achei fantástica a ideia de misturar fado com tourada, tem tudo a ver, fica bem, o cavalo tem música para dançar, … as “luzes” são partilhadas engrandecendo a actuação.

A seguir tive o meu segundo grande momento de emoção… Pedrito de Portugal, meu Deus, ele não saia do lugar, cada vez que o touro avançava eu arrepiava-me, encolhia-me, mas o Pedrito mantinha-se firme. Claro que fiquei a perceber porque é que anda sempre nas camas de hospital, nem sempre deve ter um touro que o entenda, que se porte à altura.

Também achei uma grande ideia aqueles fatos, o antigamente era mesmo muito “romântico”, aqueles chumaços nos ombros fizeram-me sorrir, não serviam para nada além de ficar giro :)

Quanto à continuação do espectáculo, não tenho nada a acrescentar foi tudo excelente, até ao Hino, nessa altura foi o meu terceiro grande momento da noite, claro, voltei a chorar.

Parabéns a todos os que levaram a ideia do novo Campo Pequeno para a frente, e que proporcionaram e participaram no espectáculo.

5 comentários:

Alma Minha disse...

Estiveste lá? Ou viste na T.V.?
Bom dia para ti!
Bjs

BAd disse...

Um grandioso espectáculo, ainda por cima com a mão do La Féria (só podia mesmo).
Gostei muito também.
Não sou aficionada, nem perto.
Mas... foi bonito sim senhor.

dina disse...

com muita pena minha só vi na TV, parece que era preciso ser convidado :( e eu estou longe do jet set ;)

Ouvinte disse...

Podias ter comprado o bilhete, afinal as filas eram intermináveis.

O Grande Campo Pequeno, parece estranho mas é verdade, O pequeno que é grande ... e agora com mais vida que nunca, afinal não abre só para a tourada, tem tudo o resto para ser melhor...

Patixa disse...

Desde que pequena que via as touradas com o meu avô. Posso dizer-te que era das poucas coisas que o fazia ficar acordado até mais tarde...
*Que saudades*

Quanto à reabertura, não tive oportunidade de ver. Deve ter sido mesmo grandioso!
Bjinho